quinta-feira, 2 de maio de 2013

amor de cinema



veja, que engraçada
a trágica comédia
chamada vida.
esta tal tragédia, doce tragédia
na qual estamos inseridos
de muitas partes e núcleos
muitas cenas e sketchs...
hoje vamos falar do amor

porque sua máscara me diz tristeza
mas dizer não é o bastante
temos muito a encenar
nossA MORte é distante!

um sorriso meu inverte-lhe a cara
e este lhe dispara gargalhadas pierrot
mas a lembrança, repara
(mesmo que sem o calor, às vezes fogo de palha)
tem o mesmo charme de um cinema retrô
e antes que me olhe com cara de arlequim
um beijo na testa, eu te amo
mas é necessário um
FIM

Nenhum comentário:

Postar um comentário