segunda-feira, 17 de fevereiro de 2014

verdade







três ou quatro pedros
habitam em mim
imigração de janeiro em janeiro
horas acho que transbordo
noutras penso que não estou inteiro

a beleza nas impossibilidades
a vaidade
a verdade
deságua em mim
(acho que estamos submersos)
e tenho que perder o medo
de me sufocar

ter a realidade percebida
                      [ recebida
mergulhar como se estivesse na tenra idade:
me afogar na vida
de verdade

Nenhum comentário:

Postar um comentário